Autoridades debatem situação da Saúde no Amazonas

por Comunicação Cosems-AM
em News
Acessos: 121

Autoridades da área da Saúde no estado estiveram reunidas para debater a atual situação da Saúde no Amazonas, as dificuldades para prestação dos serviços e seus desafios para os próximos anos. O tema Saúde Pública foi discutido no programa Audiência Pública, da Rádio CBN Amazônia.


Durante o debate, o presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Amazonas (COSEMS-AM) e Secretário Municipal de Saúde de Manaquiri, Januário Neto, lembrou que o Amazonas passou por “momentos obscuros”, quando os gestores da área não tinham qualquer noção de planejamento do Governo do Estado para a Saúde.


“Hoje, participamos e colaboramos com os colegas da Secretaria de Estado de Saúde (SUSAM). Sabemos que o atual governo está com extrema dificuldade para colocar as coisas em ordem, mas, pelo menos, o interior voltou a receber os recursos para a Saúde ao ponto dos municípios voltarem a ter autonomia financeira para decidir o que fazer na área”, revelou Januário Neto.


O presidente do COSEMS-AM comentou que esteve recentemente em um evento no Rio Grande do Sul onde constatou que o estado sulista investe menos que o Amazonas na área da Saúde, mas investe melhor. “Os investimentos do Rio Grande do Sul não chegam a 10%, enquanto o Amazonas investe, historicamente, mais de 20% na Saúde do estado. Mesmo assim, não conseguimos alcançar, nos últimos anos, patamares de regularidade”, afirmou.


Januário Neto completou seu comentário dando o exemplo que, o Rio Grande do Sul possui cem pontos de atendimento em trauma ortopedia e o Amazonas conta com apenas três na capital. “Por não entenderem a real necessidade da população, as antigas gestões do Amazonas retiraram os ortopedistas dos SPAs e das Policlínicas, sobrecarregando os hospitais”, explicou.


Além de Januário Neto, participaram do debate o defensor público Arlindo Gonçalves, a secretária-executiva-adjunta de saúde da Capital da (SUSAM) Denise Machado e a professora Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Amazonas Eliana Nunes Feijó Leite.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação do Cosems-AM.