Amazonas assume diretoria no Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde

por Comunicação Cosems-AM
em News
Acessos: 185


O presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Amazonas (COSEMS-AM), Januário Neto, assumiu a Diretoria de Municípios Ribeirinhos e em Situação de Vulnerabilidade dentro da estrutura do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (CONASEMS). A eleição da nova diretoria da entidade aconteceu na tarde desta quarta-feira (04/07), durante Assembleia Geral que reuniu 1.699 gestores de todo país.

A Diretoria de Municípios Ribeirinhos e em Situação de Vulnerabilidade é quem fomenta a criação de critérios inclusivos na formulação de novas políticas públicas, especificamente voltados para a população que mais necessita dos serviços públicos de saúde.

Januário Neto já tem um trabalho nacionalmente reconhecido na área, por suas atuações como secretário Municipal de Saúde de Itapiranga, Manaquiri e, atualmente, Tapauá. “Com a importância da vivência in loco dos problemas cotidianos do Amazonas, que são exponencialmente diferentes do restante do país, podemos realmente criar alternativas mais inclusivas, mais palpáveis, onde realmente a população se enxergue”, declarou.

A eleição da nova diretoria do CONASEMS foi realizada durante o 35º Congresso Nacional da entidade. Willames Freire Bezerra, secretário municipal de Pacatuba-Ceará, foi eleito o novo presidente na chapa “Somos todos CONASEMS”, composta por 37 gestores municipais que passam a ocupar cargos na diretoria executiva da entidade. No cargo de vice-presidentes, assumem Charles Tocantins e Cristiane Pantaleão.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação do Cosems-AM.

 

Livro traz relatos dos trabalhadores da saúde em Tefé

por Comunicação Cosems-AM
em News
Acessos: 264


Um pouco da experiência dos trabalhadores da saúde do Município de Tefé. Esse é o conteúdo do livro “Educação Permanente em Saúde em Tefé: Qualificação do trabalho no balanço do banzeiro”, lançado nesta quarta-feira (03/07), pela editora RedeUnida, durante o 35º Congresso do Conselho Nacional dos Secretários Municipais de Saúde (CONASEMS), em Brasília.

O livro trás relatos de experiências de facilitadores que trabalham no projeto de educação permanente em saúde, além de artigos de profissionais da área. “São contadas experiências de trabalhadores nas suas áreas de atuação dentro do projeto. É um pouco da vivência de quem leva Saúde para a população do município”, comenta a secretária de Saúde de Tefé e uma das organizadoras da obra, Maria Adriana Moreira.

De acordo com Maria Adriana, o projeto conseguiu reorganizar o trabalho na área e melhorar os indicadores da saúde de Tefé. “Ainda não estamos cem por cento, mas conseguimos avançar bastante. Um exemplo é a imunização no município, que hoje conseguimos atingir a totalidade da meta, o que não acontecia antes”, lembra.

O projeto começou em 2017 e vem acontecendo de forma contínua, apesar dos cortes nos recursos. “Hoje levamos o trabalho adiante com recursos próprios do município. Incorporamos na política de saúde de Tefé, inclusive com a criação da Coordenação da Educação Permanente e do Fórum dos Trabalhadores em Saúde”, explica Maria Adriana.

Na avaliação da coordenadora do Projeto de Educação Permanente, a assistente social Renata Figueiró, atualmente, o projeto está em um momento de qualificação dos facilitadores, com treinamentos permanentes para o aprimoramento dos profissionais. “O próximo desafio é criar uma cultura dentro do funcionalismo de modo que todos compreendam a importância do trabalho”, opina.

Além do livro físico, a obra está disponível em formato digital (PDF e EPUB) no site www.editora.redeunida.org.br.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Cosems-Am.

 

A Conferência Estadual de Saúde do Amazonas, encerra hoje (3). O evento aconteceu no Centro de Convenções Vasco Vasques, na avenida Constantino Nery, zona centro-oeste de Manaus

por Comunicação Cosems-AM
em News
Acessos: 227

 
O tema desta edição foi “Democracia e Saúde: Saúde como direito, consolidação e financiamento do SUS”. Representantes dos trabalhadores, usuários, gestores e prestadores de serviços, estão entre os delegados participantes da conferência, que visa a participação social no fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS). Também participam representantes do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), do Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems), do Ministério Público Estadual (MPE), da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), das Secretarias Municipais de Saúde, da Associação Amazonense de Municípios (AAM), entre outros.
O COEMS-AM foi representado pelo Secretário de Saúde de Lábrea, Dário Vicente.
O evento tem como objetivo a participação social na elaboração das políticas de Saúde do Brasil. Foi precedido das conferências municipais e conta com a participação de 550 delegados de 61 municípios. Durante a conferência estadual, estão sendo escolhidos os 76 delegados que vão representar o Amazonas na 16º Conferência Nacional, que será realizada em 4 a 7 de agosto, em Brasília. Também serão escolhidas as propostas a serem apresentadas pelos delegados estaduais na conferência nacional.
“É um fórum que acontece a cada quatro anos. O evento fomenta as principais Políticas Públicas da Saúde. Os debates contam com a participação da comunidade civil organizada através de seus representantes (25% de representantes dos trabalhadores da saúde, 25% de gestores e prestadores de serviço do SUS, e 50% de usuários do SUS)”, afirma o secretário do estado, que é o coordenador da Conferência.
A secretária geral da Comissão Organizadora da Conferência Estadual, Ana Eli Vasconcelos, lembra que as Conferências são reguladas pela Lei Federal nº 8.142/1990, que institui maior participação popular na elaboração das políticas públicas voltadas à saúde.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Cosems-AM.

 

AMAZONAS APRESENTA SEIS TRABALHOS NA 16ª MOSTRA BRASIL, AQUI TEM SUS

por Comunicação Cosems-AM
em News
Acessos: 172


Projetos foram desenvolvidos em Nova Olinda do Norte, Itacoatiara, Manaquiri e Manaus

O Amazonas está ocupando um lugar de destaque na 16ª edição da “Mostra Brasil, Aqui Tem SUS”. O estado apresenta um total de seis trabalhos desenvolvidos nos municípios de Nova Olinda do Norte, Itacoatiara, Manaquiri e Manaus. Este ano, o evento bateu recorde de inscrições com 500 experiências exitosas de todos os estados do país.
A 16ª edição da “Mostra Brasil, Aqui Tem SUS” faz parte da programação do 35º Congresso do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (CONASEMS), que está sendo realizado em Brasília, no período de 2 a 5 de julho
Representaram o Amazonas os trabalhos: “Combatente Municipal - Escola e comunidade livres do aedes aegypti” e “A efetividade da rede municipal de proteção a criança e ao adolescente do programa saúde na escola (PSE)”, ambos desenvolvidos no município de Nova Olinda do Norte.
De Itacoatiara, foi apresentado o trabalho “Saúde é direito de todos: Garantindo o direito a saúde de usuários das comunidades quilombolas, ribeirinhas e rurais do município de Itacoatiara”, e amanhã será a vez do projeto “Ampliação do acesso à ultrassonografia obstétrica em um município do interior do Amazonas: Quem atingimos e qual o impacto na qualidade do pré-natal?”, que também é desenvolvido no município.
Manaquiri participou da Mostra Brasil com o trabalho: “Prevenção do câncer de útero como condicionalidades no programa Bolsa Família na Saúde no Município de Manaquiri”, e Manaus apresentou o projeto “Pessoas em situação de rua na cidade de Manaus: prevenção, tratamento e controle em HIV/Aids”.
“O importante desse tipo de evento é que conseguimos dar publicidade para trabalhos que estão sendo desenvolvidos por profissionais comprometidos com a saúde pública nas localidades mais isoladas do nosso país. São experiências exitosas dentro do SUS que servem de exemplo para outros municípios do Amazonas e do Brasil”, explicou o presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Amazonas (COSEMS-AM), Januário Neto.
 

Fonte: Assessoria de Comunicação Cosems-Am.

 

Edição do Mapeamento de Experiências de Boas Práticas em Gestão Pública no campo do Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa 2019

por Comunicação Cosems-AM
em News
Acessos: 419

 


O Ministério da Saúde e a Fundação Oswaldo Cruz têm o prazer de informar que foi lançado o Edital para a 7ª Edição do Mapeamento de Experiências de Boas Práticas em Gestão Pública no campo do Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa – 2019.

O acesso ao edital pode ser feito pelo site:

https://saudedapessoaidosa.fiocruz.br/edital-2019

O objetivo do Mapeamento é conhecer e dar visibilidade às boas práticas de municípios, estados e do Distrito Federal no campo da saúde da pessoa idosa. Com isso, espera-se divulgar e compartilhar experiências com gestores, profissionais de saúde, interessados em geral, além de incentivar estratégias e ações que contribuam para qualificar o cuidado à pessoa idosa no Sistema Único de Saúde (SUS), em consonância com a Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa (PNSPI) e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU.

As inscrições acontecerão entre 24 de junho a 04 de agosto de 2019.
 

Fonte: Assessoria de Comunicação da FioCruz.

 

Inscrições para o XXXV Congresso Conasems acabam na próxima sexta-feira, dia 14

por Comunicação Cosems-AM
em News
Acessos: 303

 

Quem ainda não se inscreveu para participar do XXXV Congresso Conasems tem até a próxima sexta-feira, 14 de junho, para garantir sua vaga. Até o momento, mais de três mil pessoas se inscreveram para acompanhar o evento em Brasília que, neste ano, tem a temática “Diálogos no Cotidiano do SUS”. Entre os dias 2 e 5 de julho, o público poderá conferir mais de 20 atividades que vão desde mesas, seminários e oficinas, até a realização da 16ª Mostra Brasil, aqui tem SUS e do Encontro Nacional do Projeto Aedes na Mira.
O evento promoverá o encontro de mais de cinco mil congressistas para discutir o Sistema Único de Saúde, com gestores municipais de saúde, trabalhadores do SUS, representantes de instituições ligadas à saúde pública e autoridades. O encontro é um momento de troca de experiências e informações que impactam diretamente no fortalecimento da saúde pública brasileira.
As duas grandes mesas, que acontecerão no auditório master do Centro de Convenções Ulysses Guimarães, irão abordar dois assuntos tratados diariamente pelo Conasems: financiamento do SUS e fortalecimento da Atenção Básica. Na tarde de 4 de julho, o debate “Financiamento e sustentabilidade de sistemas públicos de saúde” contará com a presença do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, do presidente do Conass, Alberto Beltrame, da representante da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS/OMS), Socorro Gross, e a participação especial da líder de equipe de Sistemas da Saúde da Organização Mundial da Saúde (OMS) do escritório de Bangladesh, Valeria de Oliveira Cruz, que fará uma palestra inicial dos debates. A mediação será feita pelo presidente do Conasems, Mauro Junqueira.
Logo após a mesa sobre financiamento, o debate muda para “As responsabilidades de cada ente federado no fortalecimento da Atenção Básica”. A mesa terá a participação do secretário de gestão estratégica e participativa do Ministério da Saúde, Erno Harzheim, do presidente do Conass, Alberto Beltrame e o presidente do Conasems. Além das duas grandes mesas, o congresso conta também com seminários sobre judicialização da saúde, instrumentos para o fortalecimento da economia da saúde, fortalecimento da Assistência Farmacêutica na Atenção Básica, gestão do trabalho e da educação na saúde, entre outros.
Já as oficinas temáticas abordarão questões como: Emendas Parlamentares, gestão da informação em saúde, fixação e permanência de profissionais de saúde em áreas remotas, dentre outras. Confira a programação completa clicando aqui.
 
Trabalhos de excelência
A 16ª edição da Mostra Brasil, aqui tem SUS bateu recorde de inscrições neste ano: 500 experiências exitosas, com representação de todos os estados do país, serão apresentadas nos dois primeiros dias do XXXV Congresso Conasems. Ao longo dos últimos meses, o Conasems realizou oficinas de escrita junto aos Cosems para oferecer orientação aos autores na elaboração do texto das experiências, dar apoio para a realização de mostras locais, especialmente nos estados que ainda não tinham esse tipo de evento, além de aprimorar onde elas já eram tradição. Como resultado desse esforço,  foram avaliadas 3.722 experiências de todo o território nacional.
Além das experiências de diversas temáticas selecionadas para a Mostra Brasil, aqui tem SUS, o projeto Aedes na Mira realizará seu primeiro encontro nacional com a apresentação de 300 trabalhos de intervenção desenvolvidos pelos alunos das capacitações à distância do projeto. Os trabalhos escolhidos para serem apresentados em Brasília, foram selecionados por uma equipe técnica que selecionou as melhores propostas de intervenção municipal para o controle do Aedes aegypti.
 
Serviço
XXXV Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde
Data: 2 a 5 de julho
Local: Centro de Convenções Ulysses Guimarães, Brasília
Faça sua inscrição aqui: www.conasems.org.br/congresso/index.php


 

Fonte: Assessoria de Comunicação do Conasems.